Códigos de barras em relatórios e etiquetas

IMPRESSÃO E LEITURA DE CÓDIGO DE BARRAS

A biblioteca do MAXIPROD gera tags com códigos de barras, que a seguir são inseridas em modelos de relatórios ou etiquetas.

Toda tag existente no dicionário de tags pode ser gerada como um código de barras (128, 39, etc),  por exemplo na impressão do código do item ou número de série.

Cada formato possui seus próprios argumentos.

Utilizando o Code 128:

[[CodigoDoItem]:CB128;altura;escala;nome da fonte;tamanho da fonte;DPI;rotacao]

Onde:

  • CB128: formato em que o código de barras será gerado.
  • altura: das barras do código, em centímetros. Valor mínimo = 0,7 cm.  Esse valor pode ser um número com vírgula.
  • escala: age tanto sobre a altura quanto sobre o comprimento. Valor mínimo = 1. Esse valor deve ser um número inteiro.
  • nome da fonte: nome da fonte que será usada na legenda do código de barras, com 2 opções: Arial ou vazio.
  • tamanho da fonte: dos caracteres da legenda. Esse valor deve ser um número inteiro ou vazio.
  • DPI: densidade de pixels por polegadas. Valor mínimo = 72. Valor máximo = 300. Esse valor pode ser um número com vírgula.
  • rotação: valores admitidos 0, 90, 180, 270. Valor padrão: zero. Se especificado algum valor além dos 4 válidos, será utilizado o valor zero.

Utilizando a tag acima, somente com o argumento CB128 preenchido “[[CodigoDoItem]:CB128]”  o código de barras será gerado com todos valores padrão: 0,7 cm de altura das barras, escala 1, fonte Arial no tamanho 7, 72 DPI e posição horizontal (zero graus).

Para configurar, siga os passos abaixo preenchendo todos os argumentos, inclusive aqueles para os quais deseja manter o valor padrão.

Exemplo 1: Código de barras sem legenda

[[CodigoDoItem]:CB128;2;1;;;300;0]

Note que mesmo não utilizando os argumentos referentes à fonte/legenda, é necessário utilizar os “;” equivalentes.

Exemplo 2: Código de barras com legenda

[[CodigoDoItem]:CB128;2;1;Arial;7;300;0]

O uso desses parâmetros, principalmente os relacionamentos entre (DPI, altura, escala) não é trivial.

Sugerimos iniciar com 200 DPI e escala 1. Com estes valores, a altura será 0,8 cm.

O  comprimento do código de barras dependerá da quantidade de caracteres, ie do texto contido no código.

Se a barra resultar mais longa do que o espaço disponível na etiqueta, a primeira solução a tentar é o aumento da resolução, em DPI.

Exemplo, configurar as medidas do código de barras:

No mesmo caso relatado acima, em que desejamos uma altura de 0,8 cm, vamos supor que a barra ocupa 6 cm de comprimento, mas o espaço disponível é de 4 cm.

Aumentando-se a resolução para  300 DPI (o que aumenta a densidade, para o mesmo conteúdo), o comprimento passará para 200/300 * 6 cm = 4 cm.

 

Utilizando o padrão GS1-128:

[[NumeroDeSerie]:CBGS1;prefixo;altura;escala;nome da fonte;tamanho da fonte;DPI;rotacao]

Onde:

  • CBGS1: formato em que o código de barras será gerado.
  • prefixo: definido pelo usuário com base no padrão GS1 (link oficial no final desta pagina).
  • altura: das barras do código, em centímetros. Valor mínimo = 0,7 cm.  Esse valor pode ser um número com vírgula.
  • escala: age tanto sobre a altura quanto sobre o comprimento. Valor mínimo = 1. Esse valor deve ser um número inteiro.
  • nome da fonte: nome da fonte que será usada na legenda do código de barras, com 2 opções: Arial ou vazio.
  • tamanho da fonte: dos caracteres da legenda. Esse valor deve ser um número inteiro ou vazio.
  • DPI: densidade de pixels por polegadas. Valor mínimo = 72. Esse valor pode ser um número com vírgula.
  • rotação: valores admitidos 0, 90, 180, 270. Valor padrão: zero. Se especificado algum valor além dos 4 válidos, será utilizado o valor zero.

Utilizando a tag acima, somente com o argumento CBGS1 e prefixo preenchidos “[[NumeroDeSerie]:CBGS1;21]” o código de barras será gerado com todos valores padrão: 0,7 de altura das barras, escala 1, fonte Arial no tamanho 7, 72 DPI e posição horizontal (zero graus).

O código de barras não será gerado se o prefixo não for preenchido.

Para configurar as medidas do código de barras, siga os mesmos passos demonstrados acima para Code 128.

Caso não saiba qual prefixo deve ser utilizado, consulte a tabela oficial em https://www.gs1.org/standards/barcodes/application-identifiers

 

Utilizando o padrão EAN-13:

[[CodigoDoItem]:CBEAN13;altura;escala;nome da fonte;tamanho da fonte;DPI;rotacao]

Onde:

  • CBEAN13: formato em que o código de barras será gerado.
  • altura: das barras do código, em centímetros. Valor mínimo = 0,7 cm.  Esse valor pode ser um número com vírgula.
  • escala: age tanto sobre a altura quanto sobre o comprimento. Valor mínimo = 1. Esse valor deve ser um inteiro.
  • nome da fonte: nome da fonte que será usada na legenda do código de barras, com 2 opções: Arial ou vazio.
  • tamanho da fonte: dos caracteres da legenda. Esse valor deve ser um número inteiro ou vazio.
  • DPI: densidade de pixels por polegadas. Valor mínimo = 72. Valor máximo = 300. Esse valor pode ser um número com vírgula.
  • rotação: valores admitidos 0, 90, 180, 270. Valor padrão: zero. Se especificado algum valor além dos 4 válidos, será utilizado o valor zero.

Utilizando a tag acima, somente com o argumento CBEAN13 preenchido “[[CodigoDoItem]:CBEAN13]”  o código de barras será gerado com todos valores padrão: 0,7 cm de altura das barras, escala 1, fonte Arial no tamanho 7, 72 DPI e posição horizontal (zero graus).

Para configurar as medidas do código de barras, siga os mesmos passos demonstrados acima para Code 128.

Utilizando o padrão EAN-14/GTIN-14:

[[CodigoDoItem]:CBEAN14;altura;escala;nome da fonte;tamanho da fonte;DPI;rotacao]

Onde:

  • CBEAN14: formato em que o código de barras será gerado.
  • altura: das barras do código, em centímetros. Valor mínimo = 0,7 cm.  Esse valor pode ser um número com vírgula.
  • escala: age tanto sobre a altura quanto sobre o comprimento. Valor mínimo = 1. Esse valor deve ser um inteiro.
  • nome da fonte: nome da fonte que será usada na legenda do código de barras, com 2 opções: Arial ou vazio.
  • tamanho da fonte: dos caracteres da legenda. Esse valor deve ser um número inteiro ou vazio.
  • DPI: densidade de pixels por polegadas. Valor mínimo = 72. Valor máximo = 300. Esse valor pode ser um número com vírgula.
  • rotação: valores admitidos 0, 90, 180, 270. Valor padrão: zero. Se especificado algum valor além dos 4 válidos, será utilizado o valor zero.

Utilizando a tag acima, somente com o argumento CBEAN14 preenchido “[[CodigoDoItem]:CBEAN14]”  o código de barras será gerado com todos valores padrão: 0,7 cm de altura das barras, escala 1, fonte Arial no tamanho 7, 72 DPI e posição horizontal (zero graus).

Para configurar as medidas do código de barras, siga os mesmos passos demonstrados acima para Code 128.

Vide também https://en.wikipedia.org/wiki/Global_Trade_Item_Number.

Utilizando o padrão PDF417:

[[CodigoDoItem]:CBPDF417;escala;proporção;nível de erro;compactar;margem;legenda]

Onde:

  • CBPDF417: formato em que o código de barras será gerado.
  • escala: age tanto sobre a altura quanto sobre o comprimento. Valor mínimo = 1. Esse valor deve ser um inteiro.
  • proporção: afeta o número de colunas do código de barras. Se o valor for entre zero e 1, o código de barras será distribuído mais horizontalmente. Esse valor pode ser um número com vírgula
  • nível de erro: nível de correção de erros que permite detectar e corrigir erros no código de barras. Valor mínimo = zero. Valor máximo = 8. Esse valor deve ser um número inteiro.
  • compactar: corta o código de barras removendo as duas últimas colunas à direita. O código de barras será menor, mas mais difícil de ler. Valor padrão: falso.
  • margem: para ser lido corretamente, o PDF417 deve ter uma margem ao redor da imagem. No entanto, isso pode  ser desligado. Valor padrão: verdadeiro.
  • legenda: define se a legenda será impressa abaixo do código de barras. Valor padrão: falso.

Utilizando a tag acima, somente com o argumento CBPDF417 preenchido “[[CodigoDoItem]:CBPDF417]”  o código de barras será gerado com todos valores padrão: escala 1,  proporção 1, nível de erro -1, compactar falso, margem verdadeiro e legenda falso.