Serviços e manutenção

Serviços e manutenção

Vide: ordens de manutenção

Um pedido de venda pode incluir itens (linhas) do tipo Produto, Serviço ou Manutenção.

Item de pedido de Serviço

  • ao criar o item do pedido, deve ser escolhido um item de procedência “Serviço/manutenção”.
  • diversos tipos de serviço podem ter os mesmos códigos de item, diferenciando-se pela descrição do item do pedido. Pela sua natureza, os serviços resultantes das ordens de produção “de serviço” não podem ser estocados, portanto são realizados especificamente para um item de pedido.

Item de pedido de Manutenção

  • ao criar o item do pedido, deve ser escolhido o tipo “Manutenção”.
  • ao criar o item do pedido, deve ser escolhido um item de procedência “Serviço/manutenção”
  • no campo “Lote” do item do pedido é inserida uma referência a um item da tabela de lotes registrados.
  • ao emitir e aprovar o pedido, é automaticamente gerada uma OM (ordem de manutenção), integralmente reservada para o item do pedido. Não é necessário rodar o MRP para criar a OM.
  • esta OM tem as mesmas características das demais OPs do MAXIPROD (vide ordens de produção, ordens de manutenção). É inicializada com o roteiro do item do pedido, e pode ter itens-filho, isto é, insumos a baixar. A OP/OM pode receber insumos, apontamento de mão de obra, etc, cujos valores são acumulados em uma posição de estoque associada à OP. Ao ser concluída, o seu produto passa a ser reservado para o item do pedido, podendo ser faturado, ie transferido para uma NF de Saída (de Serviço ou não).

Exemplo de manutenção

A manutenção de equipamentos ocorre geralmente na seguinte ordem:

  1. Recebimento: antes, ou durante o recebimento, o equipamento é cadastrado com determinado código de item, e pode já ter um lote registrado, do qual consta o dono, o fabricante e o número de série.  O recebimento deve ser feito com a Operação fiscal apropriada. No MAXIPROD, inicializamos a Operação fiscal 1915 “Entrada para conserto” com a movimentação de recebimento, tendo como origem a Conta: “Terceiros” e como destino o Estoque “De terceiro a consertar”.
  2. Criação do pedido de venda: o pedido de venda tem Operação fiscal qualquer. O item do pedido de venda deve ter a operação fiscal ****.
  3. Criação do item do pedido de venda: o principal item do pedido de venda será um item do tipo “manutenção”
  4. O campo lote conterá uma referência ao lote do  equipamento a consertar, que se encontra na tabela de lotes registrados.
  5. Aprovação do pedido de venda: ao aprovar o PV, é criada uma ordem de manutenção (OM) – muito parecida com as OPs (ordens de produção) normais; a partir daqui, podem ser baixados insumos.
  6. Na baixa de cada insumo fora da estrutura de produto, aparece o checkbox “Manter o insumo consumido em estoque separado”.  Se o estoque do insumo (inclusive o próprio item sob manutenção) é de propriedade de terceiros, então o checkbox é marcado automaticamente. Se este checkbox não é marcado, o custo do insumo é incorporado ao  custo da manutenção, e o insumo não será destacado na NF da manutenção. Se é marcado, o insumo baixado é transferido para uma linha de estoque (de “insumos baixados”) identificada pela OM, do qual pode ser transferido para a NF.
  7. O item sob manutenção pode ou não ser baixado para a OP mas, se for baixado, sê-lo-á sem valor, e continuará, de qualquer forma, existindo no estoque de propriedade de terceiros, com o seu valor declarado no recebimento.
  8. Para emitir a NF de venda dos materiais incorporado ao equipamento sob manutenção, crie uma NF de venda de produtos, selecione o cliente e a operação fiscal.
  9. Na tela de edição da NF, clique no menu Ações > Inserir itens a partir do Estoque.
  10. Abrirá a grade de estoque. Preencha os filtros de Pedido de manutenção e/ou Item de pedido de manutenção, e atualize. Serão agora exibidos os materiais incorporados ao(s) equipamento(s) sob manutenção.
  11. Na grade de estoque, selecione os itens a transferir para a NF e clique no botão OK.